Pesquisar

Falafel, uma fantástica e deliciosa iguaria de origem árabe.

Falafel, uma fantástica e deliciosa iguaria de origem árabe.

Falafel, experimente uma explosão de sabores dessa iguaria irresistível da culinária do Oriente Médio.

Origem e história:

O Falafel é uma iguaria de origens árabes, mais especificamente do Oriente Médio. Ele conquistou o paladar de diversas culturas ao redor do mundo. Esse bolinho de fala ganhou notoriedade por seu sabor inigualável, e por sua versatilidade e valor nutricional. Há séculos, surgiu o Falafel, fruto da necessidade dos habitantes por uma alimentação prática e saudável.

Ingredientes:

— 1 cebola média (picada)

— Um dente de alho (espremido)

— 1/4 xícara de salsinha fresca (picada)

— 1 colher de chá de cominho em pó

— Uma xícara de (chá) de grão-de-bico (preferencialmente seco)

— 1 colher de chá de coentro em pó

— 1 colher de chá de páprica

— Sal e pimenta (a gosto)

— 1 colher de (sopa) de farinha de trigo

— ½ colher de (chá) de bicarbonato de sódio (pó)

— 2 xícaras de óleo para fritar

— ½ colher de (chá) de cominho em pó

— ½ colher de (chá) de canela em pó

— 1 colher de (chá) de sementes de coentro

Modo de preparo do falafel:

1. Numa bacia espaçosa, coloque com carinho os grãos-de-bico e envolva-os generosamente em água. Reserve-os na água por 24 horas.

2. Utilizando uma peneira, escorra a água e com um pano seque bem os grãos-de-bico.

3. Despoje a cebola em quatro partes. Faça o mesmo com o alho. Lave e seque bem a salsinha e o coentro.

4. Em um processador de alimentos, coloque cebola, alho, salsinha e coentro. Processe por cerca de 1-2 minutos. Acrescente metade dos grãos-de-bico, sal, páprica e especiarias.

5. Continue batendo com vigor por 4-6 minutos até alcançar uma pasta homogênea. No meio desse tempo, pare e misture para uniformizar.

6. Incorpore a outra metade dos grãos-de-bico e processe por aproximadamente um minuto. Almeje uma consistência com pequenas texturas nos grãos.

7. Aqueça o óleo em brasido médio numa panela de borda alta com calma. Nesse ínterim, forre uma travessa com papel toalha. Mude a massa de falafel para uma tigela. Prossiga adicionando delicadamente a farinha de trigo e o bicarbonato, mesclando com sutiliza.

8. Molde cada falafel com as mãos. Caso prefira, utilize uma colher de sopa. Pressione firme na colher para consistência. Transfira para o óleo aquecido. Reduza o brasido e frite até dourar, mexendo ocasionalmente com a escumadeira.

Importante: caso o óleo esteja excessivamente quente, os bolinhos podem queimar por fora e manter-se crus no interior.

9. Utilize uma escumadeira e retire os bolinhos da frigideira, acondicionando-os numa travessa com papel toalha. Este procedimento absorverá o excesso de óleo.

Pronto! Desfrute desse prazer culinário de forma ímpar.

Tempo de preparo do falafel:

O Falafel demanda entre 100–120 minutos para ficar pronto. Esse procedimento garante uma opção rápida e deliciosa para refeições do dia a dia.

Curiosidades:

Além do sabor irresistível, o falafel traz consigo uma série de vantagens fisiológicas. O grão-de-bico, rico em fibras, proteínas e diversos nutrientes, proporciona saciedade prolongada. Ele também auxilia no controle do peso e no equilíbrio digestivo.

Os temperos, como o cominho e o coentro, conferem um aroma envolvente. Eles também contribuem com propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.

Quantidade de pessoas que esta receita serve:

Esta receita serve aproximadamente 20 bolinhos. Ela é ideal para servir de 4 a 6 pessoas, dependendo do apetite de cada um.

Formas de preparo do falafel:

1. Assado no forno:

Asse os bolinhos a 200 °C por 20 minutos, virando na metade, para uma versão mais saudável.

2. Grelhado na chapa:

Grelhe os bolinhos em uma chapa quente por 15 minutos, virando para garantir um cozimento uniforme.

3. Variação de ervas:

Experimente adicionar outras ervas frescas, como hortelã ou coentro, para uma variação de sabor surpreendente.

4. Falafel com molho de iogurte:

Sirva os bolinhos com um delicioso molho de iogurte. Misture iogurte natural, alho picado e suco de limão.

5. Recheio para sanduíche:

Transforme os bolinhos em um recheio saboroso para sanduíches, combinando-os com saladas frescas e molhos.

Como conservar o falafel:

Os bolinhos de Falafel podem ser armazenados na geladeira por até três dias. Para congelar, disponha os bolinhos em uma única camada em uma assadeira. Congele por duas horas e, em seguida, transfira para um saco hermético. Eles podem ser mantidos congelados por até um mês.

Conclusão:

O Falafel é uma jornada de sabores que atravessa fronteiras culturais. Seja como aperitivo, acompanhamento ou recheio, sua versatilidade encanta paladares e proporciona uma experiência gastronômica única.

Ao preparar e saborear o Falafel, nos envolvemos na culinária e história que compõem esse deleite global. Então, desfrute de cada mordida. Celebre a diversidade culinária e compartilhe o sabor extraordinário do Falafel com amigos e familiares.

Gostou do conteúdo? Curta e compartilhe! Participe contando suas experiências, receitas, dicas e sugestões aqui. Junte-se a nós no Pinterest ou Instagram para compartilhar experiências incríveis e fazer novas conexões! 

As imagens atribuem os créditos aos seus proprietários originais, sem intenção de violação de direitos autorais. Se você acredita que possui direitos sobre alguma das imagens, por favor, entre em contato conosco pelo e-mail [email protected] para receber o devido crédito ou solicitar a remoção, conforme necessário.

Você também pode gostar: